• Viagem Sem Escalas

No Palau Güell de Barcelona

Atualizado: Out 9

Na Rambla, que tal visitar o monumental Palau Güell? O suntuoso prédio de oito andares, construído entre 1886 e 1890, tem em seu terraço uma das obras-primas do artista catalão mais famoso do mundo, Antoni Gauldi: as criativas chaminés.

Fora do circuito badalado dos brasileiros, a visita, a 12 euros, é cheia de surpresas, com um prédio cujo estilo foi inspirado na arte oriental, mesclando cerâmica, pedra, vidro e madeira. Vale muito a pena ir, sobretudo, para ver como funcionava o estilo arquitetônico de uma construção antiga, com dezenas de chaminés. O curioso é que a cozinha ficava no andar superior das casas - por conta do cheiro. Curioso, não?

Quer mais dicas de Barcelona? Veja o nosso guia O espaço foi residência da família de Eusebi Güell, um dos homens mais ricos da Espanha na época. Por isso, o palácio conta com espaço para os cavalos, no subsolo, além de andar nobre, com um grande salão para concertos, quartos, sótão e cozinha. O visitante pode andar livremente pelas áreas. Vale a visita, e o espaço não é tão cheio. Todas as tardes, por volta das 16h, música clássica em notas de piano entoam no prédio, já que estilo musical é um dos preferidos da família que promovia até missas no interior da habitação.