• Viagem Sem Escalas

Dez dicas para conhecer o Rio de Janeiro

Atualizado: Out 9


O Rio de Janeiro é uma das cidades mais famosas e bonitas do mundo. Conhecida por sua beleza natural, a cidade já foi sede de Copa do Mundo e Olimpíadas. Por isso, o Viagem Sem Escalas preparou um roteiro para curtir o Rio sem gastar muito com o que há de melhor: praias, lagos e montanhas. Na lista, ainda há a nova região portuária do Rio, com museus e uma bela roda gigante.

O ideal é se hospedar em algum bairro da Zona Sul ( Leme, Copacabana, Ipanema ou Leblon). São nesses bairros que estão as praias mais famosas do Rio. O ideal para se deslocar é de metrô. Mas aplicativos de transporte, como Uber ou 99 Pop, também são boas opções.

_____________________________________Pão de Açúcar

Pegue o teleférico para conhecer o Pão de Açúcar. O Morro da Urca é um dos locais mais bonitos do Rio de Janeiro. Para subir até o alto do morro, é preciso pagar uma taxa para subir no teleférico. Custa R$80,00. Mais informações no site www.bondinho.com.br

______________________________Baía de Guanabara

Contrate um passeio de barco para navegar pela Baía de Guanabara. O ponto de embarque pode ser na Marina da Glória ou no Iate Clube. Isso vai depender da empresa que você contratar. É possível ter uma boa perspectiva da cidade apartar do mar.

__________________________Praia de Copacabana

A praia de Copacabana é, sem dúvida, a mais famosa do Brasil. Por isso, acorde cedo e aproveite para conhecer essa icônica praia, com seu famoso calçadão em ondas nas cores preto e branco. Dica: chegue cedo para praia, por volta de 9h, para pegar um bom lugar na areia.

________________________ Lagoa Rodrigo de Freitas

Dar uma rápida caminhada na lagoa Rodrigo de Freitas é uma boa dica para conhecer o coração do Rio. Cercada de quiosques e restaurantes, a Lagoa está sempre lotada para quem busca fazer exercícios físicos. Alugue uma bike e divirta-se. Mas, atenção, evite a região de noite, pois pode ser perigoso. Atenção redobrada nunca é demais.

________________________________ Ilha da Gigoia

Hora de conhecer a região Oeste do Rio, o de está a Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes. A partir da zona sul é possível ir de metrô e saltar na única estação do bairro, chamado de Jardim Oceânico. Ali perto, que tal ir a um dos bares na Ilha da Gigoia. Pegue um pequeno barco , se delicie com o visual no sunset. Comemos a vida!

____________________________ Museu do Amanhā

O Museu do Amanhã foi construído por conta dos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio. O museu está no coração do Centro do Rio, que passou por uma revitalização. É uma boa opção para conhecer essa nova parte da cidade.

______________________Praia da Barra e do Recreio

A Barra da Tijuca e o Recreio dos Bandeirantes contam com uma enorme orla. A dica é conhecer o ponto que divide as duas praias, com uma bela Rocha entre as duas praias. É um belo lugar para conhecer. Aproveite ainda para conhecer a praia chamada Prainha, mas lá é preciso chegar bem cedo, por volta das 7h. O ideal é ir de carro, pois é uma praia pequena.

__________________________ Praia Vermelha, na Urca

A Praia Vermelha, na Urca, é praticamente uma praia exclusiva em meio as famosas praias da Zona Sul do Rio de Janeiro. A praia está em uma área militar. Há vagas no local.

Cristo Redentor

Não deixe de conhecer o Cristo Redentor. Uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, o Cristo fica no Morro do Corcovado. Opte pela segurança para conhecer o local. Para isso, basta acessar as informações oficiais em www.tremdocorcovado.rio

____________________________________________ Joá

No Rio de Janeiro, não deixe de conhecer o Joá, Bairro ente a Zona Sul e a Zona Oeste. Fica perto da praia de São Conrado. O local conta com o hotel butique Lá Suite. Ótima vista com uma piscina impressionante. É uma ótima opção para apreciar o visual da orla do Rio de Janeiro.

A moeda no Rio de Janeiro é o real, que no início de 2020 vale cerca de cinco dólares e cinco euros. Cuidado com violência na cidade. Por isso, evite andar com joias na rua ou celulares e câmeras. Em caso de emergência, ligue para a Polícia no número 190.