• Viagem Sem Escalas

Roteiro na Ilha da Madeira, em Portugal

Atualizado: Out 9


Na Ilha da Madeira, separe o dia em seu roteiro para explorar a parte leste (ou este, como chamam os portugueses) da ilha. Veja o nosso roteiro especial por esse paraíso. Tem monumento religioso, miradouros, trilhas e muitos visuais encantadores.

Comece pelo Garajau, do lado do Caniço. A primeira parada é o Cristo Rei. A ilha da Madeira também tem seu próprio Cristo Rei, assim como Lisboa e Rio de Janeiro (com o Cristo Redentor). Localizado no Garajau, o monumento religioso, no topo de uma colina com a baía do Funchal ao fundo, encanta.

A estátua foi construída em 1927 com o objetivo de homenagear os forasteiros. Outros dizem que é uma promessa de um dos conselheiros da ilha. Além do belo monumento, que conta com um amplo estacionamento, não deixe de fazer o percurso em uma estreita e íngreme estrada aos pés do Cristo. É uma diversão. Vale a pena. Depois, pegue a roupa de banho e desça o Teleférico do Garajau para aproveitar a praia do Garajau, com suas belas encostas e as pedras à beira mar. É um visual incrível. Aproveite para almoçar ou fazer um lanche no restaurante do local. Na descida, é possível ver a inscrição "Welcome to paradise".É justamente isso. O teleférico custa 2,50 euros.

Acha que acabou? Agora, a dica é ir ao Machico. É nessa freguesia (ou bairro) que está um dos principais destinos da área: o Miradouro do Pico do Facho. Lá de cima é possível ter uma ampla vista da beleza do arquipélago, como a praia do machico.

Se você se animar pode descer até a praia e curtir o visual.

Depois vá até o Caniçal, onde há uma série de locais idílicos que merecem ser apreciados. Na beira da estrada Regional 109, aproveite para parar o carro e contemplar a Prainha, uma das poucas com areia na Madeira. Se você quiser descer até lá embaixo e curtir a praia, é preciso ir de carro.

Depois, uma dica é fazer a trilha pela Ponta de São Lourenço. Para chegar ao local, o ideal é ir de carro e estacionar o veículo no estacionamento, que é amplo e bem estruturado. Mas atenção: chegue cedo. O local começa a lotar de automóveis a partir das 11h, quando começam a chegar os turistas.

Ao estacionar, separe a roupa de ginástica para a caminhada. Para fazer todo o percurso, prepare-se. São oito quilômetros para ir e voltar até o extremo da trilha. São mais de quatro horas de camnihada entre os degraus de madeira sem corrimão pelas montanhas e falésias com o mar ao fundo. É lindo.

Logo no início da caminhada, um visual deslumbrante com a Baía D' Abra. Depois, aprecie os ilhéus da Cevada, da Metade e da Ponta de São Lourenço. No fim, o Cais da Sardinha. Mas não fomos até o final.

Depois, é hora de curtir as praias dessa parte da Madeira. Comece pela Praia da Maiata. Mas atenção porque o acesso não é tão fácil de carro, já que as ruas são pequenas e nem muitas vezes acessível. Além disso, não há areia e sim pedra. Mas a combinação montanha e mar fazem o turista apreciar o visual.

Em seguida é hora de ir até Porto da Cruz e conhecer a Praia da Alagoa. O local com mais infraestrutura, como estacionamento. Mas a praia também tem pedras em vez de areia.

Agora, a dica é apreciar a pela estrada em direção ao norte da ilha para chegar até o Miradouro do Guindaste, que conta com estacionamento. Isso é ideal para curtir o espaço com calma e segurança. O Miradouro está situado numa das vertentes da foz da Ribeira do Faial, em Santana, e é dono de uma imensa beleza. Há quem consiga ver até a ilha de Porto Santo daqui. Será? Foi uma das mais belas vistas da ilha, sem dúvida.

Depois é hora de seguir até o Fortim do Faial, construído no século 18 para proteger a ilha dos invasores. Por isso, não deixe de fazer fotos com alguns dos vários canhões que estão no local. O espaço militar revela ainda uma bela vista da aldeia local, com seus telhados abóboras contrastado com o azul do oceano.

Veja nossas dicas para curtir os principais pontos turísticos da Ilha da Madeira. Clique aqui

Veja o que fazer pelo Funchal, a região central da Ilha da Madeira. Clique aqui

Veja um passeio de bate-volta especial pelas Ilhas Desertas, no Arquipélago da Madeira com a VMT Madeira. Clique aqui

Veja nosso roteiro pelas Casas típicas de Santana e o Pico Ruivo. Clique aqui

Veja nosso roteiro pela linda cidade de Porto Moniz, na Ilha da Madeira. Clique aqui

Veja a Ponta de São Lourenço. Clique aqui